2 comentários

Denunciar é preciso.

27jul2015

Tenho promovido a denúncia do conluio imprensa-governação que ocorre no nosso país nesta altura, mas fica-me a ideia de que não nos vamos apercebendo da dimensão desta autêntica vergonha, perpetrada de forma silenciosa e discreta.

A proclamada liberdade de imprensa esconde jogos e deturpações de conceito, esquecendo ou vilipendiando a bel-prazer uma outra face de uma imprensa livre, onde foi abolido o lápis azul.
Refiro-me à isenção.

Ora a isenção implica a liberdade de proclamação de um tendência, mas tem que conferir a não eliminação do chamado contraditório. A isto chama-se imprensa limpa.
Nem nos damos ao trabalho de referir o panorama tablóide em roda livre neste país.

Mas podemos escolher um semanário dito de referência, como o Expresso, onde alguma pluralidade de intervenções de pouco mais de duas ou três colunas curtas no interior do jornal, pretende disfarçar a fuga ou deturpação de notícias de carácter político, sempre numa mesma via ou intenção; minimização de umas, total apagamento de outras, ou diminutas referências de outras ainda, atiradas lá para os confins dissimulados do jornal.

Dir-se-à, é um direito.

Pois, mas sendo um direito estrangula a tão propalada isenção.
Mas é nas TV’s que o escândalo toma proporções deveras indecorosas, pelo que o eleitor deve consciencializar-se deste jogo pouco asseado à luz de princípios que aparentemente estes 41 anos de democracia e liberdade ainda não foram suficientes para nos proporcionarem uma imprensa livre e democrática, onde a rasteirice de outros tempos esteja definitivamente abolida.

O quadro das intervenções nas TV’s sem contraditório, onde o autêntico declamante debita de acordo com o seu posicionamento político-partidário, é uma ofensa à inteligência do espectador e uma imagem que se aproxima da recente designação com que nos mimoseiam os nossos euro-amigos do norte: PIGS.
O quadro já aqui exposto noutras intervenções está agora mais completo.
Atentemos pois:

Canais abertos, portanto com difusão por todos o país, sem qualquer contraditório..

1- RTP1 – Morais Sarmento – PSD
2- SIC – Marques Mendes – PSD
3- TVI – Marcelo R. de Sousa – PSD

Canais por cabo.

SIC Notícias – Bagão Félix – CDS/PP ;

F. Louçã – BE (O rapaz do PEC4 que colocou o PSD no poder); Todos sem contraditório;

António Vitorino – PS … mas com Santana Lopes – PSD, não fosse o socialista desbocar-se sozinho…
TVI24 – Manuela Ferreira Leite – PSD;

Medina Carreira – (Dissidente do PS e apoiante de Cavaco Silva – PSD).
Tínhamos Augusto Santos Silva – PS , uma autêntica excrescência do poder vigente,… mas bem à justa (eleições à porta) saneado este mês e censurado no último programa por motivos e argumentos inenarráveis.

E é este o panorama da liberdade e isenção das TV´s no nosso país, com eleições à porta, num país onde as TV´s têm uma importância fundamental na formatação da opinião pública.
Falta saber se a comissão que coordena o ato eleitoral vai permitir o funcionamento deste quadro de intervenção política no aproximar da data das eleições.

Naturalmente, não sabemos quem vai vencer as eleições.
Mas há uma coligação política que tem todas as condições para vencer.. “limpinho, limpinho…!”
E isto porque a maturidade de um povo escorrido de décadas de obscurantismo está longe de se tornar numa realidade.
O História presente dos povos é sempre demasiado lenta.
As contas fazem-se muito lentamente e levam quase sempre decénios de pancada por todo o corpo até cumprirem o seu efeito.

Anúncios

2 comments on “Denunciar é preciso.

  1. Na verdade é bem visível esta nuance de critérios, sempre com o mesmo fim. O governo manda e dispões dos órgãos de comunicação a seu belo prazer.
    Parabéns pelo texto.
    João Azevedo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: